Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

É uma Vida para Dois

Livros para folhear, filmes para ver, sabores para provar, destinos para descobrir. Gostamos de experimentar tudo o que há de novo aqui e acolá! Queremos a vida bem passada e bem servida, se faz favor!

Ovo na Caneca

Quem trabalha turnos da noite sabe bem o quanto é penoso ter que deixar o conforto da casa às dez da noite, trabalhar dez horas seguidas ao longo da madrugada e sair já o sol vai alto. Nesses dias, sinto-me uma mistura do Hulk - no que diz respeito ao mau humor, com o Garfield - no que diz respeito a comer e dormir. 

Como é o meu marido que cozinha, costuma deixar-me, cheio de boas intenções, refeições saudáveis de peixe, leguminosas e legumes harminiosamente arrumadas em tupperwares no frigorífico. No entanto, sem dúvida que não é isso que apetece a um Garfield que acorda às 17h da tarde com o humor do Hulk. Apetece, pois, comida de conforto para a alma: desde chocolates a gelados, desde ovos mexidos com fiambre, a queijo sem pão, a leite condensado à colher! É aqui que convém antecipar estas situações e claro está, não ter nada disso em casa. É por isso que, uma das minhas comidas de conforto nestas situações passa pelo ovo na caneca no microondas. Rápido, fácil de preparar, delicioso e mais saudável que qualquer um das outros alimentos que enunciei anteriormente. 

Para aqueles que não trabalham de noite, mas mesmo assim precisam de uma comida de conforto rápida e fácil, aqui segue a sugestão: 

 

ovo na caneca3.JPG

receita ovo2.jpgovo na caneca.JPGovo na caneca de cima.JPG

 Alguém por aí que trabalhe por turnos e me compreenda? :)

 

Bom apetite!

Mrs.

 

Todas as fotos são da autoria do Uma Vida para Dois

Caneca: Primark

Prato colorido: Loja do Gato Preto

Barcelona

Sendo a nossa cidade espanhola preferida, não hesitámos em escolher Barcelona como destino de eleição para uma escapadinha de 5 dias a dois, fora do País. Como já tinhámos estado na cidade há alguns anos e não na companhia um do outro, seleccionámos os destinos que pretendíamos visitar novamente e aqueles que não podiamos perder nesta segunda visita à cidade.

Como forma de resumir esta viagem com base nos nossos spots preferidos, seleccionámos o nosso top de locais a não perder numa visita à cidade: 

 

UM PARQUE - Parque Guell

Originalmente destinado a ser uma urbanização, foi concebido pelo arquitecto Antoni Gaudí, expoente máximo do modernismo catalão, por encomenda do empresário Eusebi Güell. Construído entre 1900 e 1914, revelou-se um fracasso comercial e foi vendido ao Município de Barcelona em 1922, tendo sido inaugurado como parque público em 1926. Em 1969, o Parque urbano foi nomeado Monumento Histórico Artístico de Espanha, e em 1984 foi classificado pela UNESCO como Património da Humanidade. 

Hoje em dia, é quase proibido visitar Barcelona sem passar pelo parque Güell. A beleza e criatividade da arquitectura, inseridas num parque verde cheio de vegetação, criam uma atmosfera mágia que só consegue ser estragada pelo excesso de turistas que o visitam. Quando o visitámos aquando da primeira ida a Barcelona, o acesso era livre e a espera era curta. Agora, para controlo de número de visitantes, existem horas marcadas para visitar o parque. Para evitar longas horas de espera, aconselhamos a compra do bilhete online, que permite agendar data e hora para a visita.  

DSC04824-001.JPG

DSC04834-001.JPG

DSC04848-001.JPG

20150901_164208.jpg

20150901_163512.jpg

20150901_160451 3.jpg

20150901_144202.jpg

DSC04847.JPG

DSC04851.JPG

 

UM JARDIM - Cidadela

Repleto de zonas para passear, um lago maravilhoso e uma cascata única, é um dos jardins mais bonitos que já alguma vez visitámos. Não perdemos a oportunidade de dar um passeio de barco a remo no lago, uma experiência inesquecível realizada ao pôr-do-sol com a luz do entardecer. É local de passagem obrigatória numa passagem, ainda que breve, pela cidade.

 

20150901_185346.jpg20150901_190221.jpgDSC04876-001.JPG

DSC04877-001.JPG

 

UM BAIRRO - Bairro Gótico

O Bairro Gótico é um dos quatro bairros que formam o distrito de Ciutat Vella. É o núcleo mais antigo da cidade e seu centro histórico. Adorámos passear sem destino no Bairro Gótico: à medida que nos íamos perdendo, íamos descobrindo catederais, igrejas, lojinhas, restaurantes e claro, os detalhes arquitectónicos das ruas. A Igreja de Santa Maria Del Mar, foi a igrejas de que mais gostámos de visitar dentro do bairro.

20150902_184816.jpg

20150902_184828.jpg20150902_184912.jpg

UM RESTAURANTE - Vinitus

Não partimos de viagem sem levar uma lista de bons locais para comer e beber a preços acessíveis ao nosso bolso. Em todo o lado existem restaurantes para caçar turistas, com péssima comida a preços elevados, e por isso há que fugir deles! O Vinutus não constava na nossa lista, foi-nos dado a conhecer por um amigo que vive em Barcelona, e foi uma experiência maravilhosa. Tapas de grande qualidade, variadas, critativas e absolutamente deliciosas. Quanto às sobremesas, provámos a melhor crema catalana de sempre!

Barcelona 6.jpg DSC05115.JPG

 

UM BAR - O Bosque das Fadas

 O Bosque das Fadas é o bar ideal para adeptos da magia das figuras mitológicas e contos de fadas como...nós. O ambiente recria uma floresta com árvores personificadas, seres únicos e criaturas mágicas. Numa rua perpendicular ao final das Ramblas, podemos então encontrar o Bosque das Fadas, que pode ser visitado tanto de dia como de noite. Encantador!

20150902_164647.jpg

DSC04983-002.JPG

Barcelona 20152.jpg 

 

UM MERCADO - La Boqueria

La Boqueria oferece uma variedade imensa de tudo o que se possa imaginar: desde gomas criativas como mostra a imagem, aos melhores mariscos; desde tapas e bocadillhos a ovos frescos; desde copos de frutos exóticos já descascada a doces deliciosos. Merece sem dúvida uma visita!

barcelona fotos.jpg

 

UMA CATEDERAL

 O Templo da Sagrada Família de Barcelona foi iniciado em 1882 e ainda hoje se encontra inacabado. O seu projecto é também da autoria de Gaudi, que aplicou os ideiais da Arte Nova à arquitetura religiosa. Apesar das obras já durarem há mais de uma centena de anos, a Sagrada Família ainda está em construção, e sua conclusão só deve ocorrer após 2026. As suas 8 torres actualmente construídas chegam a 125 metros de altura, e quando as restantes 10 torres planeadas estiverem prontas, irão superar as Basílica de São Pedro no Vaticano e Notre Dame em Paris.

A entrada na Sagrada Família é emocionante. A grandiosidade do templo é sublime e deslumbra logo ao primeiro impacto. O jogo de cores produzido pela luz através dos vitrais é lindíssimo, levando-nos a ficar horas a deambular pela catedral a admirar a beleza dos mais ínfimos pormenores. Mesmo para quem não aprecia arte religiosa, é impossível ficar indiferente à conjugação harmoniosa de geometrias e cores da catederal.

DSC04935.JPG2015-09-02 08.15.45.jpg

20150902_131704.jpg

20150902_132200.jpg

20150902_132305.jpg

2015-09-02 08.18.19.jpg

 

Barcelona 2015-001.jpg

2015-09-02 08.13.27.jpg

 

UM ITINERÁRIO - Da Praça de Espanha ao Museu de Arte da Catalunha

Um dos itinerários que mais gostámos de fazer em toda a viagem começou na Praça de Espanha de Barcelona. Jantámos no topo das Galerias das Arenas de Barcelona, onde é possível ter uma vista maravilhosa (foto abaixo) sobre a praça, e sobre o Museu de Arte da Catalunha, iluminado, ao fundo na foto. Das Arenas, descemos pelo elevador panorâmico e percorremos o caminho desde a praça de espanha até à fonte luminosa.

barcelona4.jpg

Na altura da nossa Viagem, em Setembro, a fonte em frente ao museu era protagonista de um espectáculo único de som, luz e cor, que reunia centenas de pessoas em seu redor. 

DSC05044.JPGDa fonte, seguimos em linha recta até ao Museu. Embora não tivessemos oportunidade de conhecer o seu interior, a fachada exterior é lindíssima com as suas estátuas e escadarias sublimes. A subida pelas longas escadarias uma experiência a não perder, e vale a pena chegar ao topo para observar a vista sobre a cidade. No topo das escadarias, artistas de rua interpretavam temas dos Beatles enquanto dezenas de pessoas sentadas nos degraus e nos muros, apreciavam a vista ao som da música. 

20150903_233658.jpg20150903_234236.jpg20150903_233634.jpg

barcelona5.jpgbarcelona1.jpg

 

Outros pormenores da nossa viagem, que não podemos deixar de partilhar:

20150903_125002.jpgDSC05016.JPG

A Fachada exterior da Casa Batló

 

DSC05021.JPG

 A Fachada exterior da Casa Milá/La Pedrera

 

barcelona2.jpg

 

Casa Bruno Quadros, nas Ramblas.

20150901_203905.jpg

Uma das várias fontes iluminadas ao longo da cidade

 

20150904_154116.jpg

 Os Hamburgueres maravilhosos da Bacoa 

 

chegada a lisboa.jpg

 A Chegada a Lisboa, vista do avião

 

20150831_191949.jpg

No final da viagem, os pastéis de nata de chocolate deliciosos, da Chocolate Lounge do Aeroporto de Lisboa. Nada como receber as boas-vindas assim...

 

O único ponto negativo de Barcelona é o EXCESSO de turistas na Cidade, que retira a magia e beleza dos locais, tais cabeças de cogumelo a estragaram os panoramas. Aconselhamos a escolha da época baixa para visitar a cidade, para evitarem a aventura de tentar tirar uma fotografia sem emplastros.

Á parte disso, tal como cantavam os Queen "Barcelona - La musica vibró, Barcelona - Y ella nos unió, And if God willing we will meet again someday", ainda faremos uma terceira visita à cidade.

 

E vocês já visitaram Barcelona?

 

Boas Viagens!

Mr. and Mrs.

 

Todas as fotos são da autoria do Uma Vida Para Dois

Paella de Quinoa

Já na Primavera deste ano tinhamos falado aqui nos benefícios da Quinoa e em como somos fãs deste super-cereal. Fonte completa de proteína, é ingrediente que mora sempre na nossa dispensa e que se senta à mesa conosco em várias refeições. Tendo passado por Barcelona em Setembro passado, viemos inspirados pelos pratos maravilhosos que por lá provámos. Foi daí que surgiu a ideia de procurar uma versão alternativa da Paella clássica e concretizá-la. Eis o resultado: 

paella de quinoa2.jpg

paella de quinoa receita.jpg

 

paella quinoa.jpg

 

paella.jpgpaella quinoa2.jpg

E vocês, qual a vossa relação com a Quinoa? Quanto a nós, altamente comprometidos. ;)

 

 

Receita: 

http://www.myfoodandhappiness.com/easy-seafood-quinoa-paella/

 

Todas as fotos são da autoria do uma vida para dois

 

 

Fusão Portugal/Brasil - O restaurante Aromas e Temperos

Não, está absolutamente fora de questão sair de casa para comer num restaurante e sair desiludido. Sim, o factor supresa é sempre agradável, mas é bem pior ser surpreendido pela negativa seja com comida má, atendimento medíocre, ou com um espaço sujo. É por isso que, é raro sairmos de casa sem umas pesquisas prévias para evitar surpresas desagradáveis.

 

Foi assim que descobrímos o Aromas e Temperos, considerado pelos utilizadores pelo TripAdvisor como um dos melhores restaurantes de Lisboa. Como fica a 2 minutos a pé da nossa casa, não hesitámos em ir até ao Aromas e Temperos numa noite de Novembro preguiçosa, em que não apetecia cozinhar nem fazer grandes viagens para comer bem.

 

Adoramos comida de fusão. Geralmente a cozinha de fusão surpreendem por ser diferentes com combinações improváveis e sabores inesperados. E foi isso que aconteceu com esta fusão entre pratos típicos portugueses e...brasileiros!

O espaço não podia ser mais pequeno, tem o tamanho de uma sala de estar grande, com umas 6 mesas. Ainda assim, proporciona um ambiente acolhedor e muito agradável, com bossa nova a acompanhar a refeição.

 

Não podiamos ter sido recebidos com maior simpatia: foram-nos explicado pormenorizadamente cada um dos pratos permitindo-nos escolher sem grandes dúvidas.

2015-11-06 19.00.57.jpg

Começámos pelos pastéis de Bacalhau com a massa do famoso pastel de Vento brasileiro. Leves e muito saborosos, ficámos deliciados.

 

2015-11-06 19.07.45.jpg

Seguiram-se as placas sertanejas, plaquinhas crocantes com queijo de cabra com cebola caramelizada.

 

2015-11-06 19.30.22.jpg

Veio então o Bobó de camarão, o prato tipico brasileiro com camarão e mandioca. Nunca tinhamos provado e adorámos!

 

2015-11-06 19.48.13.jpg

Seguiram-se os Crocantes da Ilha. Queijo da ilha envolto em mandioca com compota a acompanhar. Não podia haver melhor combinação.

2015-11-06 19.51.53.mpo

2015-11-06 20.06.19.mpo

Chegou a hora da sobremesa: pedimos o Amarelinho, um pudim delicioso com sabor a ovos e côco. Acompanha com lascas de côco.

 

2015-11-06 20.06.32.mpo

 O Brigadeiro não podia ficar de fora, ainda para mais com morangos no topo. Não podiamos ter terminado melhor a refeição!

 

2015-11-06 20.25.39.mpo2015-11-06 20.25.02.mpo

 O nosso estômago saiu de lá apaixonado e já nos pede a próxima visita.

Agora já sabemos: quando der a vontade de viajar para o Brasil, é só subir a rua até ao Aromas e Temperos.

 

Bom Apetite!

Mr. and Mrs.

 

Todas as fotos são da autoria do Uma Vida para Dois 

Shoyce - a melhor bebida de soja

A primeira vez que ouvi falar sobre os malefícios do leite de vaca foi há cerca de 5 anos na faculdade, numa palestra apresentada pelo Francisco Varatojo. O choque inicial causou alguma incredulidade em relação aos factos apresentados. A verdade é que, vários estudos têm comprovado que afinal, o Deus chamado Leite, que nos acompanha desde sempre como a bebida branca indispensável à alimentação saudável, está na base de doenças como o cancro da próstata, cancro dos ovários e mais inesperado ainda...na causa da osteoporose. São várias as universidades e entidades cujos estudos têm desaconselhado o consumo de leite animal. No que nos diz respeito, não o conseguimos (ainda) elimininar da alimentação. Como se vive sem esta bebida branca deliciosa que fica bem com tudo? Com cereais, com café, com chocolate, nas papas de aveia...

 

Já tentámos aderir ao leite de soja durante alguns tempos, passando por várias marcas até encontrar um sabor agradável, mas sem sucesso. O sabor característico das bebidas de soja começa a enjoar a uma certa altura e acabamos por voltar ao leite de vaca. Até...à semana passada, em que estavam a promover a Shoyce no Jumbo, dando amostras a provar desta nova bebida produzida em Portugal. Foi paixão ao primeiro gole de cada uma delas. A bebida de soja clássica não tem aquele sabor intenso que referimos anteriormente: tem um sabor suave e delicioso. Tal como é apresentado "nem vai acreditar que não é leite", mal se notando a diferença. 

O de Baunilha e o de Chocolate então...são díficeis parar de beber. NADA enjoativos como outras marcas que já tinhamos experimentado, com sabores únicos e absolutamente deliciosos.

Melhor, melhor é que a Shoyce é a única marca portuguesa de bebidas de soja, com produção 100% nacional. É a única a plantar a própria soja e é totalmente não transgénica.

 

Trouxémos uma embalagem de cada e estamos muito satisfeitos

Quanto aos preços, podem consultar aqui. Nós comprámos em promoção no Jumbo a 1 eur a embalagem.

 

shoyce leiteee.jpg

shoyce.jpg

 E vocês, já conheciam esta marca? E não, ninguém nos está a pagar para divulgar marcas, apenas gostamos de partilhar novas descobertas :)

Mrs.

 

Todas as fotos são da autoria do Uma Vida para Dois

L'Ecláir

Quem se lembra dos Ecláirs da Delifrance, a pastelaria Francesa situada na Av.Guerra Junqueiro? Os Lisboetas provavelmente lembrar-se-ão. Em criança, não havia Sábado sem passar na Delifrance com os meus pais para comer um éclair. Com recheio de chocolate, Baunilha ou Caramelo, todos deliciosos. Fiquei cheia de pena quando essa pastelaria fechou, já há vários anos. E, desde essa altura, nunca mais comi um eclair. Até há poucos dias atrás, quando finalmente, fomos provar os eclairs da famosa Patisserie Française L'Ecláir. Situada na Av.Duque de Ávila, no Saldanha, a L'Éclair reúne tudo o que uma pastelaria assumidamente francesa deve ter: espaço agradável, decoração requintada, atendimento diferenciado, e uma montra não só irresistível aos olhos como encantadora ao paladar.

eclair.JPG

eclair2.JPGfrango.JPGeclair3.JPGeclair 6.JPGsalmao.JPGMelhor do que ter só éclairs doces, é também servir também éclairs salgados. Adorámos o de salmão e o de frango e ovo, ambos deliciosos. FIcámos surpreendidos com a leveza da massa, a combinar maravilhosamente com os ingredientes. Pela imagem talvez aparente uma baguete tradicional de uma casa de sandes, mas trata-se mesmo de uma massa leve tipo massa choux, tão agradável na textura como no sabor. 

 

eclair tiramissu.JPGeclair doce.JPG

Na altura de passar à sobremesa, a escolha foi díficil, muito díficil. Como escolher entre tantos e tão apetecíveis? Ele escolheu sem hesitar o de Tiramisú. Eu, mais indecisa no que diz respeito a escolhas alimentares, pensei em escolher primeiro o de groselha preta. Depois pensei que "não poderia perder aquele outro que tinha framboesas por cima", e quando dei por mim já estava a babar pelo de caramelo. Acabei mesmo por decidir que o chocolate não podia ficar de fora e pedir o único eclair que juntava chocolate e avelãs, o Patis-Brest. Ambos deliciosos, nada enjoativos, no tamanho certo e com a quantidade de açúcar no ponto.

 

eclair7.JPG

DSC05248.JPG

 Acompanhámos a refeição com um chá da Ópera, com um sabor tão agradável que até dispensava adição de açúcar, e um sumo de banana, cenoura e laranja, natural e delicioso.

 

Já andamos a programar as próximas visitas ao L'Éclair, para provar um atrás de outro. Quem nos acompanha?

 

Bom Apetite!

Mrs

 

Todas as fotos são da autoria do Uma Vida para Dois